Como gerenciar a redução de riscos em consignados na área da saúde

Serviços de cirurgia emprestam instrumentos cirúrgicos específicos e implantes dos fornecedores para realizar cirurgias sem a necessidade de comprar esses materiais. Existem muitas vantagens em realizar esses processos, incluindo a redução de custos e também a possibilidade de hospitais e clínicas expandirem os serviços oferecidos. É preciso, no entanto, tomar cuidados relacionados à redução de riscos em consignados da saúde, pensando sempre em garantir a segurança do paciente.

Alguns desafios enfrentados nesse processo são a falta de planejamento, falta de comunicação, falta de políticas relacionadas, entre outros. Para otimizar a redução de riscos em consignados da saúde, daremos algumas recomendações ao longo deste artigo. Confira.

Desafios relacionados aos consignados da saúde

Os principais desafios enfrentados por cirurgiões e estabelecimentos de saúde que utilizam materiais consignados são:

  • Indisponibilidade de materiais
  • Tempo de processamento insuficiente
  • Trabalho extra na área de descontaminação
  • Falta de familiaridade dos profissionais com os instrumentos

Ações para a redução de riscos em consignados na área da saúde

A redução de riscos em consignados pode ser realizada com a adoção de medidas, como:

Desenvolvimento de uma política de consignados

Para a redução de riscos em consignados, é preciso desenvolver um sistema padrão para o manuseio desses itens. Essa política precisa envolver todos os departamentos e ser desenvolvida abrangendo todos os profissionais relacionados ao processo, como cirurgiões, equipe da qualidade, de gerenciamento de riscos, de compras, etc. Esses procedimentos precisam incluir instruções sobre pedidos, transporte, recebimento e processamento dos materiais; documentação e rastreabilidade; métodos de carga; ações após os procedimentos e a saída e o retorno dos itens.

Melhorias no planejamento e na comunicação

A falta de planejamento e comunicação entre cirurgiões, hospitais, clínicas e fornecedores de materiais consignados pode levar a uma indisponibilidade dos equipamentos para as cirurgias agendadas. Assim, é preciso planejar o pedido com antecedência, para que o fornecedor possa realizar um cronograma por meio do gerenciamento do estoque. Além disso, a comunicação interna entre os cirurgiões também é necessária, para que se realize um gerenciamento interno do uso desses materiais.

Atenção ao tempo de processamento

É preciso incluir no planejamento um tempo hábil para que todos os materiais sejam descontaminados dentro das clínicas e hospitais. Portanto, a comunicação com os fornecedores precisa ser clara para que os materiais não sejam entregues em cima da hora e consigam ser processados adequadamente pela instituição.

Gerenciamento da central de materiais

A carga de trabalho da central de materiais de um estabelecimento de saúde já é bastante alta, e, portanto, é preciso gerenciar esse setor e incluí-lo no planejamento de um pedido de material consignado para que os profissionais da área tenham recursos disponíveis para lidar com esses materiais em tempo hábil.

Monitorização da esterilização

É essencial realizar a monitorização da esterilização dos materiais. Cada um deles conta com indicadores próprios e assim é preciso realizar os testes e medições necessários para cada equipamento.

Elaboração de um inventário

A redução de riscos em consignados, principalmente relacionados aos custos, deve passar pela elaboração de um inventário antes do início das cirurgias. Assim, sabe-se exatamente o que foi entregue e o que deverá ser devolvido.

O auxílio de um software para a redução de riscos em consignados

A Visto Sistemas possui um aplicativo próprio para o consumo cirúrgico, disponibilizado na plataforma Android e que pode ser utilizado offline. O app garante que o material correto esteja disponível no exato momento em que é necessário. O app foi desenvolvido para a gestão e controle do estoque em poder dos hospitais, permitindo o apontamento em tempo real do consumo de materiais consignados, enviados para cirurgias ou de uso regular. 

Além disso, seu ERP possui um módulo apenas para material consignado, que realiza o controle de estoque consignado, o consumo cirúrgico, a reposição de materiais e o inventário online e offline de materiais consignados.

Quer saber mais sobre o ERP ou app? Solicite-nos uma demonstração!

Outros posts que você também pode gostar...